Egresso de Artes Cênicas produz clipe com Lázaro Ramos, Alcione, Tia Surica e outros artistas - Geral - UNISAGRADO

Egresso de Artes Cênicas produz clipe com Lázaro Ramos, Alcione, Tia Surica e outros artistas

Rodrigo Fernando criou, produziu, atuou e dirigiu vídeo da música "O sol nascerá" com o intuito de transmitir esperança e a força do movimento antirracista



O egresso do curso de Artes Cênicas Rodrigo Fernando divulgou na última segunda-feira (13) um clipe representando a música "O Sol nascerá" de Cartola que contou com a participação de mais de vinte artistas ilustres como Lázaro Ramos, Alcione e Tia Surica. A criação, realização, direção e produção foram do profissional e resultou em um vídeo completo, com narração, danças, interpretações e música.

A ideia do vídeo surgiu em um grupo de WhatsApp do elenco do musical "Cartola o mundo é um moinho" no qual o egresso faz parte desde 2016. A princípio o conceito era transmitir uma mensagem positiva através da música de "O sol nascerá" de Cartola. "Com a conexão do elenco e as amizades que trazemos desde o musical, a gente vem há tempos querendo produzir algo juntos, pois funcionamos muito bem unidos e temos uma sintonia bacana! Reunindo isso, com o momento de pandemia, o isolamento no qual a classe artística não tem como trabalhar e nossa necessidade de se apresentar e expor o nosso trabalho, surgiu o clipe", explica Fernando.

A música representada no clipe é uma composição de Cartola em parceria com Elton Medeiros e traz uma mensagem de grande importância para o momento atual do isolamento. Entretanto, o clipe do Egresso foi além, trazendo também a força do movimento antirracista. "No nosso vídeo temos todos os nossos cantores e artistas, exceto pelos músicos, compostas por artistas pretos com muita representatividade. Então, além de ser um vídeo com uma mensagem de um dia melhor ele também se transformou no grito antirracista, de reinado preto e protagonismo preto. Temos por volta de 20 artistas pretos no vídeo e colocamos realmente cada um como protagonista e dono da voz da situação. Eu acredito que o vídeo veio exatamente com esse grito, com esse holofote 'olhem para gente', realmente não é só uma hashtag no Instagram, de fato vidas pretas importam!", ressalta.

A produção geral do vídeo, em especial o audiovisual, foi realizada pelo profissional de Artes Cênicas e contou com a parceria da direção e edição de imagens de André Ângelo, além da participação de Márcio Guimarães que é Produtor Musical. Após a seleção do elenco, composto em sua maioria pelos artistas do musical, o egresso idealizou o vídeo no formato final, com um texto de abertura de Ricardo Gamba e a representação individual da música por cada artista em suas casas. Desta forma, surgiram em cena o ator Lázaro Ramos, a Tia Surica – artista e figura representativa do carnaval – e a cantora Alcione. "Para abertura do vídeo busquei alguém que realmente fosse um de nós, quem nos representasse de fato, quem pudesse falar por nós para um grande público, então pensei no Lázaro Ramos. Ele é um artista incrível e que continuamente demonstra muita coisa com o seu trabalho e sua arte, além de saber que ele é uma pessoa sensível e totalmente aberta para discussões e para entender o movimento. Logo, eu fiz o convite e ele não demorou nada para dar o retorno muito feliz e empolgado!", conta.

Formado em 2009, o egresso se sente muito grato por todos os ensinamentos teóricos e práticos aprendidos durante o período da graduação, que contribuíram de forma significativa para sua carreira profissional, em especial aos professores e coordenadora do curso de Artes Cênicas da época. "A graduação me trouxe o entendimento de que um sonho de criança era muito mais do que isso, era um dever, era uma função, uma profissão! Atualmente, sou cantor, ator, figurinista e muitas dessas coisas são trazidas da minha formação, uma vez que, nas aulas e na vivência, a gente aprendia muito a produzir, fazíamos diversas ações e nos apresentávamos no campus, no pátio e no Teatro Veritas. Os eventos em geral traziam muita experiência e nos preparavam para o mercado de trabalho, não só na teoria, que é mega importante, mas tínhamos a oportunidade de botar a mão na massa!", expõe.

A representatividade foi elemento fundamental no vídeo, além dos artistas deste coletivo preto, contou com a participação da dançarina Dayane Lima que possui deficiência física e que utiliza cadeira de rodas, da Nayara Silva que é intérprete de Sinais e da Silvetty Montilla Drag Queen. O egresso ressalta assim a importância da valorização dos artistas, em especial, os pretos. "Fiquem atentos ainda mais em artistas pretos, valorizem, compartilhem, aplaudam, olhem para os nossos artistas pretos, é muito importante! Esse vídeo é para gente, para os meus irmãos, para todo mundo apreciar de uma forma gostosa. Gostaria, também, de oferecer para os meus amigos da época da graduação, quero que eles se sintam representados e felizes!", pontua.

Assista ao vídeo na íntegra:

Acompanhe o trabalho do Artista Rodrigo Fernando através das redes sociais:

Instagram: @rodrigofernandoh

YouTube: Rodrigo Fernando


Link deste artigo: https://unisagrado.edu.br/site/conteudo/10666-egresso-de-artes-cenicas-produz-clipe-com-la.html
Tags: UNISAGRADO, Artes Cênicas, Egresso, O Sol Nascerá, Cartola


© 2020 | UNISAGRADO. Todos os direitos reservados.

Site Seguro